O Enfermeiro - Machado de Assis

O Enfermeiro - Machado de Assis

O Enfermeiro

Machado de Assis

Sinopse:
O conto narra a história de Procópio, um homem de quarenta e dois anos que trabalha como copista de estudos teológicos e recebe a proposta de um padre do interior para trabalhar como enfermeiro do Coronel Felisberto, um senhor idoso e muito rico. Ao chegar ao local ele conhece a fama do seu futuro paciente, todos afirmavam que era um homem exigente e insuportável e que nenhum enfermeiro conseguiu ficar lá por muito tempo. Mesmo diante desses relatos, Procópio seguiu para a casa do Coronel. Chegando lá, não foi mal recebido, o próprio chegou a declarar ao padre que ele era o mais simpático dos enfermeiros que já tivera. Porém, essa calmaria durou apenas sete dias.

A partir daí, tudo se transformou: começaram as injúrias, os xingamentos, as humilhações. Por várias vezes ele ameaçou ir embora, chegou até a pedir demissão, entretanto Felisberto lhe pediu desculpas que não levasse em conta rabugice de velho. Ele, então, decidiu ficar.

Com o passar do tempo o estado de saúde do velho piora. A convivência com o Coronel se tornava cada dia mais insuportável, não sabendo ao certo se pelas doenças que o acometiam ou se pela maldade mesmo.

Sobre o Autor:
Biografia de Machado de Assis

Descrição do livro:
Páginas: 7
Gênero: Conto
Idioma: Português



Recomendações: