Lira dos Vinte Anos - Manuel Antônio Álvares de Azevedo

Lira dos Vinte Anos - Manuel Antônio Álvares de Azeved

Lira dos Vinte Anos

Manuel Antônio Álvares de Azevedo

Sinopse:
Álvares de Azevedo é um dos maiores nomes da poesia romântica brasileira. Apesar da morte precoce aos vinte e um anos de idade, sua obra poética desperta a atenção da crítica e dos leitores pelo alto nível que possui. Como todo romântico influenciado fortemente por lorde Byron, a poesia de Azevedo contém traços marcantes de desejo, decepções, morbidez, tédio, melancolia e vício. Mesmo muito jovem, Álvares de Azevedo se cansou da vida e dos dramas que todo adolescente enfrenta, usando esse descontentamento e a angústia da alma como combustível para suas criações. A "Lira dos vinte anos" é uma de suas obras mais célebres e inclui alguns de seus poemas mais famosos: "Ideias íntimas", "Spleen e charutos", "Lembrança de morrer", "É ela! É ela! É ela! É ela!" e "Se eu morresse amanhã."

Lira dos Vinte anos é uma coletânea de versos que impressiona por sua beleza e profundidade e, pelo forte sentimentalismo. Um marco da segunda geração romântica, ora demonstrando constantes idealizações, muita ternura; ora se debruçando sobre o cotidiano, a revelar o lado sarcástico, cômico, por vezes trágico do poeta que, mesmo morrendo tão jovem, construiu uma obra que, em muitos momentos, revela sua genialidade.

Descrição do livro:
Páginas: 154
Gênero: Romance
Idioma: Português



Recomendações: