Educação matemática - Thiago Pereira Dantas

Educação matemática - Thiago Pereira Dantas

Veja a descrição:

  • Título: Educação matemática
  • Autor: Thiago Pereira Dantas
  • Formato: eBook Kindle
  • Tamanho do arquivo: 2954 KB
  • Número de páginas: 43 páginas
  • Editora: Abrindo Página; Edição: 1 (11 de maio de 2017)
  • Vendido por: Amazon Serviços de Varejo do Brasil Ltda

Sinopse do livro:

Este livro tem o objetivo de apresentar formas eficientes de ensinar matemática a partir da análise das principais deficiências encontradas no processo de ensino aprendizagem da disciplina. Também é uma forma de discutir uma nova perspectiva sobre a educação matemática e aplicação de métodos práticos e criativos, que incluam questões do dia a dia nas aulas.
Uma análise do Portal Brasil aponta que entre os anos de 2009 e 2014, as disciplinas de matemática, química e física tiveram as piores taxas de acerto entre os candidatos que fizeram Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em relação à matemática, os conteúdos que os alunos mais erraram foram sistema de equações, funções do segundo grau e escala.
O currículo escolar, a formação dos professores e as técnicas utilizadas para dar aula de matemática fazem parte do conjunto de elementos que compõe o desenvolvimento dos alunos ao longo da vida estudantil. Resultados recentes de pesquisas feitas pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) mostram que alunos dos ensinos fundamental e médio têm dificuldade com exercícios básicos que envolvam as quatro operações: soma, subtração, multiplicação e divisão.
Talvez isso aconteça porque muitos alunos já se perguntaram e ainda se perguntam quando é que vão usar todas aquelas fórmulas gigantescas e complexas na vida real, no dia-a-dia. Se você não é matemático, economista ou contador é provável que realmente não vá precisar, mas certamente terá que dividir o saldo de uma aposta entre amigos que ganharam na loteria; somar os gastos do mês e relacionar com o valor do salário para não passar aperto e se descontrolar financeiramente; decidir se faz um consórcio ou um financiamento e em qual deles a vantagem é melhor. Enfim, são muitas as situações do cotidiano que nos obrigam a usar a matemática, mesmo sem percebermos.
Concluímos que ao invés de empregar a disciplina de matemática de forma tradicional, seria mais eficaz criar a disciplina de educação matemática com a finalidade de colaborar para o desenvolvimento de um ponto de vista matemático sobre a realidade das pessoas.
O ensino da matemática pode ser prazeroso, atrativo e instigante. Só é preciso mostrar para os alunos, das mais diversas fases da vida escolar, que não se pode ficar preso nos obstáculos criados por um processo desatualizado de ensino aprendizagem, mas reinventar os métodos e fazer uso, também, das tecnologias para tornar a matemática mais presente na vida todos.

Leia a amostra do livro gratuitamente!

Gostou da leitura?
Então considere adquirir este livro!

Comentários de leitores

0 Comentários